Documentation

Light-weight, fast, simple and powerful!
 
Translations of this page?:

Guia de administração do Wolf CMS

Bem-vindo ao guia de administração do Wolf CMS. Este livro é uma coleção de páginas da wiki de documentação wolfcms.org que estão reunidas para formar 'tipo-de-livro'.

Acessando este libro e selecionando o botão “Export to ODT”, você pode gerar um documento do Open Office para imprimir/ler. Você também pode usar o Open Office para transformar o documento ODT em um arquivo PDF.

Instalando o Wolf CMS

Instalar o Wolf CMS no seu servidor ou plano de hospedagem requer uma série de etapas. Felizmente, tais etapas são muito simples e aplicáveis à maioria dos provedores de hospedagem. (A maior parte dos passos abaixo está ilustrada neste vídeo de quatro minutos e quarenta e cinco segundos, também disponível no YouTube), que demonstra como instalar o Wolf CMS (0.7.3) em localhost e com o MySQL como banco de dados.)

Criar o banco de dados

O Wolf CMS depende da disponibilidade de um banco de dados. Você mesmo pode criar um 1) Ou ter um criado para você, isto depende de seu ambiente exato ou provedor de hospedagem e está fora do escopo deste documento.

Para os fins de nossa instalação, vamos supor que você pode ou já criou um banco de dados a ser usado pelo Wolf CMS.

MySQL

Se estiver usando o MySQL, provavelmente será melhor ter o db preparado / / antes de prosseguir com o restante das instruções de instalação. Você precisa saber qual é:

  • O nome do banco de dados
  • O nome de usuário do banco de dados
  • A senha de usuário do banco de dados

e, se seu ambiente específico for diferente daquilo que o Wolf espera, você pode, além disso precisar saber quais são:

  • O nome do servidor de banco de dados ou o endereço IP
  • O número da porta do servidor de banco de dados

SQLite 3

Se estiver usando SQLite, provavelmente é melhor criar o bd durante o processo de instalação do Wolf. A tela de instalação irá sugerir um local e um nome para o arquivo do seu db fora da estrutura de diretórios do Wolf. Você precisa criar o diretório/arquivo que a tela de instalação recomendar, ou, alternativamente, um outro de sua escolha.

Em todo caso, este precisa ser um caminho absoluto, com total permissão de escrita para que o Wolf possa usá-lo. Lembre-se de criar o diretório/arquivo antes de prosseguir para a etapa final da instalação.

Enviando o pacote do Wolf CMS

Depois de baixar o pacote do Wolf CMS da nossa página de download, é necessário copiá-lo para seu servidor. Descompacte o pacote no diretório apropriado do servidor.

Isto geralmente será um diretório “www” ou “public_html” ou um subdiretório destes. O Wolf CMS também roda “feliz” em um subdiretório.

.htaccess

Se você quiser usar URLs 'limpas' - sem '?':

  1. renomeie '_.htaccess' para '.htaccess'
  2. Atualize, caso necessário, o parâmetro RewriteBase - '/' para instalação na raiz ou '/MEU-SUB-DIRETORIO/' se instalado em um subdiretório
magic_quotes_gpc no .htaccess

É recomendado desativar o 'magic_quotes_gpc' e isso é feito no arquivo .htaccess com 'php_flag magic_quotes_gpc off'. No entanto, alguns servidores são configurados para não permitir esta ação e a instalação irá falhar. Neste caso você precisa comentar a opção no arquivo .htaccess, iniciando a linha com ”#”.

Sua hospedagem pode permitir o uso do php.ini para fazer isso, colocando 'magic_quotes_gpc off'. Se o uso do php.ini produzir uma tela em branco, você pode precisar fornecer instruções adicionais neste arquivo. Veja a discussão neste fórum para detalhes.

Executando a rotina de instalação

Depois de copiar os arquivos para seu servidor web, você terá de executar a rotina de instalação.

  • Abra o navegador e vá para a página <caminho para o Wolf>/install/.
  • Responda a todas as perguntas depois de analisá-las cuidadosamente.

seu <caminho para o Wolf> será algo como http://www.mysite.com/install Se você colocou os arquivos do Wolf CMS na raiz ou http://www.mysite.com/wolf/install se colocou o Wolf CMS em um subdiretório.

Após terminar a instalação, você receberá uma mensagem que inclui um link para a seção <caminho para o Wolf>/admin/. Esta página também mostra o nome do administrador e a senha gerada.

Etapas pós-instalação

Há várias outras etapas pós-instalação necessárias e recomendadas. Estas irão ajudar a proteger a instalação do Wolf CMS.

  1. Apague os diretórios <caminho para o Wolf>/install e /docs de seu servidor web.
  2. Remova todas as permissões de escrita do arquivo config.php 2)
  3. Rode a verificação de segurança para determinar quaisquer outras providências que você pode precisar tomar.
  4. Entre com o nome de usuário do administrador e a senha gerada.3)
  5. Se você estiver usando SQLite, lembre-se de habilitar o plugin “SQLite” na página Administração> Plugins, caso contrário as páginas de “Arquivo” apresentarão erros.

Você sempre deve alterar sua senha de administrador para algo privado e seguro!

Opcionalmente, você também pode querer alterar o nome da pasta admin para aumentar ainda mais a segurança do seu site Wolf.

Removendo o ponto de interrogação da URL

A instalação padrão do Wolf CMS coloca um ponto de interrogação em suas URLs. Isto é para fins de compatibilidade, assim o Wolf CMS funciona por padrão na maioria dos servidores HTTP.

Porém, a maioria das pessoas (e buscadores) não gostam desse ponto de interrogação. Você pode removê-lo após instalar o Wolf CMS.

Por padrão, o Wolf CMS suporta o Apache, mas outros servidores HTTP também podem ser usados.

Atualizado para ficar conforme o Wolf CMS 0.6.0

Ações gerais

As ações seguintes devem ser executadas para que o Wolf CMS use URLs limpas.

  1. Temporariamente adicione permissões de escrita ao arquivo config.php.4)
  2. Edite o arquivo config.php
  3. Altere o valor de “USE_MOD_REWRITE” para “true”.
  4. Salve o arquivo config.php.
  5. Remova as permissões de escrita do config.php. Não esqueça nem pule esta etapa!5)
  6. Siga as instruções de acordo com seu servidor HTTP específico. Veja abaixo.
  7. Após seguir as instruções, teste as alterações indo para a raiz de seu site. Você não deverá ver mais o ponto de interrogação.

Ações para o servidor HTTP Apache

  1. Edite o arquivo _.htaccess que se encontra no diretório raiz de seu Wolf CMS.
  2. Localize a linha que começa com RewriteBase /wolfcms/.
    Se o Wolf CMS estiver na raiz de seu site6), apague a parte com “wolfcms/” para que a linha fique: RewriteBase /.
    Se o Wolf CMS estiver em um subdiretório de seu site7), altere a parte com ”/wolfcms/” para que a linha fique: RewriteBase /meuwolf/.
  3. Salve o arquivo _.htaccess.
  4. Renomeie o arquivo _.htaccess para .htaccess (remova o underline).

Ações para o servidor Lighttpd

Os caminhos usados no código abaixo supõem que sua instalação do Wolf CMS está na raiz do site, por exemplo http://www.exemplo.com.

Como o Lighttpd não tem uma opção equivalente ao comando RewriteBase do Apache, você terá de alterar manualmente os caminhos abaixo para ficar conforme a raiz do seu Wolf CMS.

# 
# Regras mod_rewrite do Wolf CMS para lighttpd
#
# Se sua instalação do Wolf CMS estiver em um subdiretório como: http://www.exemplo.com/meuwolf/
# você deve adicionar o subdiretório entre ^ e / nas regras abaixo e no valor para substituição
# por exemplo: "^/meuwolf/admin(.*)$" => "/meuwolf/admin/index.php?$1",
#
url.rewrite-once = (

    "^/install/index.html$" => "/install/index.php?rewrite=1",
    "^/install/index.php$" => "/install/index.php?rewrite=1",
    "^/install/$" => "/install/index.php?rewrite=1",
    "^/install/(.*)$" => "/install/$1",

    "^/admin/(images|javascripts|stylesheets|themes)/(.*)" => "/admin/$1/$2",
    "^/admin/index.php\?(.*)$" => "/admin/index.php?$1",
    "^/admin(.*)$" => "/admin/index.php?$1",

    "^/favicon\.ico$" => "$0",
    "^/(public|wolf)/(.*)$" => "/$1/$2",

    "^(?:(?!/admin/))/([^?]*)(\?(.*))$" => "/index.php?WOLFPAGE=$1&$2",
    "^/(.*)$" => "/index.php?WOLFPAGE=$1"

)

Ações para o servidor Hiawatha

Os caminhos usados no código abaixo supõem que sua instalação do Wolf CMS está em um diretório “site” abaixo da raiz do sistema, por exemplo http://www.exemplo.com/site.

Como o Hiawatha não tem uma opção equivalente ao comando RewriteBase do Apache, você terá de alterar manualmente os caminhos abaixo para ficar conforme a raiz do seu Wolf CMS.

Você precisa de um UrlToolkit semelhante a isto, onde 'site' é o diretório em que o Wolf CMS foi descompactado.

UrlToolkit {
    ToolkitID = wolfcms
    Match ^/site/install/index.html$ Rewrite /site/install/index.php?rewrite=1
    Match ^/site/install/index.php$ Rewrite /site/install/index.php?rewrite=1
    Match ^/site/install/$ Rewrite /site/install/index.php?rewrite=1
    RequestURI exists Return
    Match ^/site/admin(.*)$ Rewrite /site/admin/index.php?$1
    Match ^/site(.*)$ Rewrite /site/index.php?WOLFPAGE=$1
}

Lembre-se de ativar este toolkit no seu Host Virtual.

As três regex acima de RequestURI são usadas apenas para validar URLs limpas no momento da instalação. Elas devem ficar acima de RequestURI e podem ser comentadas após a instalação.

Você também precisa estar com PreventSQLi desabilitado.

Ações para o servidor Nginx

Os caminhos usados no código abaixo supõem que sua instalação do Wolf CMS está na raiz do site, por exemplo http://www.exemplo.com.

Como o Nginx não tem uma opção equivalente ao comando RewriteBase do Apache, você terá de alterar manualmente os caminhos abaixo para ficar conforme a raiz do seu Wolf CMS.

Coloque isto em seu server block:

if (!-e $request_filename) {
    rewrite  ^/admin/(.*) /admin/index.php?$1&$2 last;
    rewrite  ^/(.*)$ /index.php?WOLFPAGE=$1  last;
    break;
}

Você também pode precisar deixar o sufixo da URL vazio

define('URL_SUFFIX', '');

no config.php

Atualizando para versões mais recentes

Toda versão estável do Wolf CMS vem com instruções para atualizar a versão anterior. Leia docs/updating.txt para a informação completa.

Dicas gerais sobre atualização

Existem algumas dicas gerais que você pode seguir quando atualizar para versões mais recentes do Wolf CMS. Porém, tenha em mente que as dicas e este documento não podem levar em conta qualquer customização que você possa ter feito no núcleo do Wolf CMS ou no código dos plugins.

  • Sempre faça um backup completo do banco de dados e dos arquivos.
  • Desative todos os plugins que não são do núcleo antes de iniciar a atualização.

Tenha em mente que apenas temos suporte a atualização de uma única versão por vez.

Cenário sugerido para atualização

Esta é uma sugestão de cenário para atualização. Tenha em mente que não nos responsabilizamos por qualquer perda de dados que possa ocorrer. E também, este cenário não leva em conta qualquer customização que você possa ter feito na estrutura do banco de dados, no código do núcleo do Wolf CMS ou nos plugins.

Primeiro

  1. Faça um backup completo de seu banco de dados.
  2. Faça um backup completo do diretório com a sua instalação do Wolf CMS.

Só então

  1. Na área de administração do Wolf, desative todos os plugins que não são do núcleo.
  2. Apague toda sua instalação do Wolf. Certifique-se de ter um backup completo(!)
  3. Renomeie o banco de dados se desejado/possível/necessário.
  4. Instale o Wolf CMS do zero e indique o banco de dados com as tabelas antigas.
  5. Copie de volta o diretório ”/public” do seu backup.
  6. Atualize as configurações nos arquivos config.php e .htaccess onde necessário. Use seus backups como material de referência.
  7. Tente se logar no Wolf CMS.
  8. Ative cada plugin que não é do núcleo um a um. Teste cada plugin antes de ativar o próximo.

Este cenário de atualização reutiliza o banco de dados com o conteúdo antigo. Deve funcionar perfeitamente, porém, significa que você não terá disponíveis nada dos dados que vêm por padrão.

Se não conseguir reutilizar o banco de dados antigo ou se quiser ter todos os dados que vêm com o Wolf CMS por padrão, você deverá remover o banco de dados antigo, instalar do zero usando um banco novo e depois copiar cuidadosamente o conteúdo do bd antigo para cada tabela.

Por motivos óbvios, este é um cenário muito mais demorado e arriscado. Métodos de atualização do Wolf CMS pós 0.6.0 incluem um plugin de Backup e Restauração para ajudar a simplificar este cenário.

Palavra final

Este guia de administração é um produto experimental e é composto de conteúdo gerado dinamicamente constituído de outras páginas da wiki do wolfcms.org. Esperamos que vocês gostem!

Se você gostou e usa o Wolf CMS, considere doar para o projeto.

Licença aplicável a este conteúdo

Este conteúdo está licenciado pela liceça Creative Commons Attribution Non-Commercial Share Alike.

Esta licença permite que outros façam remixes, alterações, e construam em cima deste trabalho não-comercial, desde que seja dado crédito ao autor original e licença as novas criações sob os mesmos termos. Outros podem baixar e redistribuir este trabalho assim como a licença by-nc-nd, mas eles também podem traduzir, fazer remixes, e produzir novas histórias com base neste trabalho. Todo novo trabalho baseado neste vai levar a mesma licença, portanto, quaisquer derivados também seram não-comercial por natureza.

Para mais detalhes sobre a licença, por favor leia o texto original da licença em:

http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/ (Legível por humanos) (inglês)

http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/3.0/legalcode (Texto legal completo) (inglês)

1) Se estiver usando MySQL para seu bd, o phpMyAdmin é uma boa ferramenta para isso.
2) Esta é uma medida de segurança e o Wolf CMS irá se recusar a executar até que você faça isso.
3) A senha que foi exibida na página do resultado da instalação.
4) No Unix/Linux: chmod 666 config.php
5) No Unix/Linux: chmod 444 config.php
6) Por exemplo: www.minhapagina.com
7) Por exemplo: www.minhapagina.com/meuwolf
 
pt/books/administration.txt · Last modified: 2012-11-04 01:18 by vigia122
 
Except where otherwise noted, content on this wiki is licensed under the following license:GNU Free Documentation License 1.2
Copyright 2010 wolfcms.org / design by yello studio / Wolf CMS Inside